quarta-feira, 5 de abril de 2017

O PADEIRO ARTESÃO


 



O padeiro implica acima de tudo, amar o trabalho manual. Fazer pão é um trabalho físico cujos horários nem sempre são óbvios para gerenciar com uma vida familiar. 

Na verdade, o padeiro, muitas vezes se levanta cedo de manhã e pode fazer vários lotes de pães por dia, especialmente se ele estiver bastante descansado e bem disposto.
  
Amor ao pão acaba por ser a melhor razão para a profissão. O desejo de compartilhar conhecimentos e para agradar seus clientes são os outros dois.

A mestria técnica de fazer pão e bolos através de uma prática profissional rigorosa, diligente e regular. Além de suas habilidades artesanais, o padeiro também deve ter o espírito comercial. 

Padeiros independentes são responsáveis ​​pela venda de seus produtos nas lojas. Ter fácil contato com as pessoas, ser simpático e sorridente são qualidades essenciais para o marketing e fidelização dos clientes. 
  
Por outro lado, alguns padeiros artesanais têm uma equipe de funcionários para gerenciar. Neste caso, eles devem ser capazes de demonstrar ensino e ser capaz de garantir a formação mais jovem. Além disso, o conhecimento de contabilidade e gestão são essenciais para executar um negócio.

 Um padeiro pode praticar em diversas áreas:
• a sua conta;
• em uma padaria;
• uma padaria industrial;
• em um supermercado.
 
Quando um padeiro tem experiência suficiente em um negócio, ele pode considerar a criação de seu próprio negócio. Se ele exerce na área de varejo, mudanças internas são possíveis.
   
Na verdade, o padeiro trabalhador de padaria pode se tornar um líder de equipe ou gerente de fabricação. Caminhos paralelos para fabricação pura também são possíveis, exercendo atividades de instrutor, farinha tester padeiro ou comerciais.



   
VENHA FAZER PÃO COMIGO!

CURSO ON LINE

PANIFICAÇÃO ARTESANAL

ESCREVA PARA:

padeirogaucho @yahoo.com.br


Nenhum comentário: